O “Diretor”: um papo com o Campari Red Hands 2023 Daniel Estevan

Thumb capa noticia 2

O embaixador de Campari Academy escolhido para estrelar a campanha internacional “Campari Red Hands” contou mais sobre a experiência.

A coquetelaria é uma arte que transcende a mera mistura de ingredientes, assim como o cinema é muito mais do que apenas uma sequência de imagens. A influência de Campari na união desses dois universos é inegável. Cada coquetel preparado com as bebidas que fazem parte do portfólio do Campari Group têm o potencial de contar uma história, envolver o paladar e transportar os apreciadores para um mundo de sabores e sensações únicas. O talentoso bartender Daniel Estevan, que também é embaixador de Campari no Brasil, viveu uma experiência que comprova tudo isso. 

Recentemente, ele participou junto com outros seis bartenders do mundo inteiro na ação global “Campari Red Hands”, onde teve a oportunidade única de criar um coquetel inspirado no clássico filme italiano (e recriado em 2018) “Suspiria”. Daniel bateu um papo com a nossa equipe para falar sobre sua criação e as vivências na Itália.

Do cinema à mixologia: o nascimento do “Red Velvet”

Os sete bartenders escolhidos para a campanha viajaram até a Itália, onde foi realizada a ação com o preparo dos coquetéis e a captação das imagens. Além de criar a receita, ele também preparou o Red Velvet no set de filmagem, “dirigindo” a sua obra.

Daniel acredita que a escolha dos filmes para inspirar os coquetéis criados pelos bartenders — decisão essa tomada pela Campari — foi feita com base na personalidade única de cada Red Hand, pois o filme Suspiria combinou muito com ele. Para bolar a receita do drink, o bartender mergulhou profundamente na atmosfera e no estilo visual do filme de terror, onde o luxo e a extravagância são muito presentes: “Suspiria é um filme de terror trash e retrata um momento da sociedade em que o veludo era usado em praticamente tudo. Minha inspiração para criar a receita e dar nome ao coquetel foi a marcante ‘Sala Vermelha’ do filme, onde todas as paredes são cobertas de veludo vermelho.”

No lugar certo, com as pessoas certas

Daniel Estevan pode interagir com os demais bartenders participantes da ação global da Campari que uniu sete Red Hands de diferentes partes do mundo, proporcionando um ambiente para a troca de experiências e inspirações. O brasileiro confessou a enorme gratidão pela oportunidade única: “Conhecer eles todos foi uma experiência incrível. Foi muito legal ver pessoas do mundo inteiro com o mesmo sentimento de satisfação.”

Além de sua jornada criativa com a Campari, Daniel também compartilha suas impressões sobre a Itália, onde a empresa tem suas raízes. Ele se surpreendeu com a harmoniosa interação entre o contemporâneo e o atemporal: “O que mais me impressionou na Itália, foi como o moderno se mescla com o clássico de uma forma muito natural.”

Os relatos de Daniel Estevan nos proporcionam uma visão cativante sobre a magia por trás da coquetelaria inspirada em filmes e a colaboração entre a Campari e os mestres de coquetéis em todo o mundo. À medida que exploramos o fascinante mundo de Campari e de sua inspiração cinematográfica, somos lembrados de que a coquetelaria é verdadeiramente uma forma de arte que transcende fronteiras e conecta as pessoas por meio de experiências sensoriais únicas.

Saiba mais sobre Daniel Estevan

Com nove anos de coquetelaria, Daniel Estevan é bartender e Campari Brand Ambassador no Brasil. Trabalhou por três anos no Garoa Bar e a quatro está à frente do Nosso Ipanema. Em 2019, foi campeão do Wild Turkey – Behind The Barrel e em 2022 conquistou o título da Campari Bartender Competition. Em 2023, foi convidado para ser Red Hand na ação global da Campari.